• (22) 2622-2701
  • (22) 2622-1123

Arraial do Cabo


ARRAIAL DO CABO – RJ 


kxlarge.jpg


SOBRE:


Arraial do Cabo, é um município brasileiro da Região dos Lagos, no estado do Rio de Janeiro. A cidade é costeira, e tem uma altitude média de apenas oito metros. 

As rodovias que servem o município são a RJ-140/BR-120 e a RJ-102.

O povo é acolhedor e simpático.

A fama de “Caribe Brasileiro” está estampada na placa oficial de boas-vindas da cidade de Arraial do Cabo. Ela prepara o coração dos turistas para o inevitável susto ao avistar a primeira praia à beira da estrada. Com acesso fácil, preços baixos, dias ensolarados e praias deslumbrantes, Arraial é um dos melhores destinos do Brasil para quem deseja curtir um descanso com pé na areia. 

O mar de Arraial é especial por uma razão muito particular. Na região, acontece o fenômeno da ressurgência, que traz para a superfície águas profundas ricas em vida marinha. A fartura de alimento transforma Arraial em um dos melhores pontos de mergulho do país, com águas claras e muita vida. É perfeito para o mergulho de batismo, para profissionais ou mesmo para quem quer se divertir com o snorkeling. 

Com jeito de interior e menos de 30 mil habitantes, Arraial do Cabo oferece aos visitantes um clima propício para férias. Emancipada em 1985 e oficialmente jovem, a cidade, antes, era parte de Cabo Frio. A história da região, entretanto, data do início do século XVI, quando o explorador Américo Vespúcio aportou naquele mar com a segunda expedição europeia a percorrer o litoral brasileiro. 

Pouco resta daquele período. Um pequeno obelisco marca o ponto da chegada dos conquistadores, onde viviam principalmente índios tamoios antigamente. No centro histórico, a Igreja de Nossa Senhora dos Remédio ostenta o ano de 1503 na fachada, data da chegada de Américo Vespúcio. O local, originalmente uma igreja de pau a pique, marca o ponto onde teria ocorrido a primeira missa coberta do Brasil, no ano de 1506. Na mesma região, está a Casa de Piedra, dita como uma das primeiras construídas no país. 

As praias de águas transparente e areia muito branca tornam sua costa num dos locais brasileiros mais propícios para a pesca submarina e mergulho. 

O município também conta com uma área preservada pelo IBAMA, a restinga de Massambaba (estreito pedaço de terra, banhado a sul pelo Oceano Atlântico e a Norte pela Lagoa de Araruama) onde são encontradas as mais exóticas orquídeas do mundo.

Descubra o Parque Estadual da Costa do Sol, a região tem natureza preservada e, em muitos pontos, quase intocada. Desbrave as areias de Arraial do Cabo e seja-bem vindo a este paraíso. 

Fonte: Melhores Destinos https://guia.melhoresdestinos.com.br/arraial-do-cabo-190-c.html


CLIMA:


O clima de Arraial do Cabo é tropical litorâneo, com muito vento que estabiliza as temperaturas, o município praticamente desconhece temperaturas muito elevadas ou muito baixas. Historicamente, o município tem máxima absoluta de 34 °C e mínima de 10 °C. Também chove bem pouco, com média pluviométrica anual de cerca de 800mm. A insolação (horas de sol) é uma das maiores do estado.


COMO CHEGAR:


De carro

São duas as opções. Uma delas utiliza a Via Lagos:

A partir da ponte Rio-Niterói, utilize a saída a esquerda e siga pela BR 101 até Rio Bonito. Continue pela RJ-124 (Via Lagos), uma estrada com pedágio que liga Rio Bonito a São Pedro da Aldeia (já na Região dos Lagos). Ao chegar no trevo de São Cristóvão, trafegue pela RJ-140 que liga Cabo Frio a Arraial do Cabo.

A segunda opção, também a partir da ponte Rio-Niterói, utiliza a Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106). A estrada atravessa diversas zonas urbanas controladas por radares de velocidade. Alguns trechos de serra não possuem acostamento.

Obs.: O Trânsito é pesado nos trechos urbanos, com muitos radares e na serra, falta acostamento.



O QUE FAZER EM ARRAIAL DO CABO?


CURTIR AS PRAIAS:


Praia do Forno

kxlarge.jpg

Localizada em uma enseada, a sua margem direita encontra-se as ruínas de fortaleza do Marisco e ao fundo o Morro do Forno. Fica localizada a 1,5 KM do Centro da cidade. O acesso é por trilha ou de barco (não necessariamente aqueles de passeio, podendo ser “Barco Táxi”). Os barcos para a Praia do Forno saem da Praia dos Anjos e custam em média de R$ 10,00 (dez reais) a R$ 15,00 (quinze reais) por pessoa e fazem o trajeto em 10 minutos. Já para aqueles que gostam de caminhar em trilha e desfrutar da linda paisagem, a trilha também tem início ali, no Porto do Forno, ao lado da Praia dos Anjos, onde há vários barcos atracados. Se estiver com disposição, realmente recomendo optar pela trilha. A vegetação pelo caminho encanta. E o visual de lá de cima é incrível, compensa todo o esforço. 

A Praia do Forno tem uma extensão de aproximadamente 600 metros, mas sua faixa de areia não é muito larga. Portanto se você está viajando em alta temporada, prepare-se, pois você irá encontrar a praia bem cheia.

Ao logo dos 600 metros de praia é possível encontrar diversos restaurantes e barracas para alugar, portanto por mais que o acesso não seja tão fácil como a Praia Grande, por exemplo, a Praia do Forno tem uma boa estrutura para receber os turistas.

Além da mata preservada, dos corais, da paisagem deslumbrante vista do Mirante da Praia do Forno, a limpidez da água é uma coisa que também chama a atenção. Aqui a água também é mais quentinha que as outras praias. 

Ao lado esquerdo da Praia do Forno, possui o Restaurante Flutuante, onde pode-se saborear frutos do mar frescos. Das praias de Arraial do Cabo, ela é a que tem o mar com água menos fria.

Dicas: Leve sua máquina fotográfica, pois a paisagem é de tirar o fôlego; não tenha pressa para subir a trilha; leve máscara de mergulho. 


Praia Grande

kxlarge.jpg

kxlarge.jpg


Praia oceânica, a Praia Grande em Arraial do Cabo possui 40 km de areias brancas e fina, dunas, vegetação costeira e mar transparente. É composta pelo Morro do Mirante e pela Restinga de Massambaba. Suas águas são geladíssimas, 8 graus em algumas épocas do ano devido ao fenômeno da ressurgência (correntes de águas frias). Em meados do mês de fevereiro a abril, a água fica bem quentinha. É também uma das praias mais indicadas para o Surf e todas as modalidades de esportes náuticos, vôlei, frescobol, futebol, entre outros. É a praia que possui a maior faixa de areia. 

No lado direito, não possui canto, pois a extensão de areia vai até Saquarema, normalmente tem ondas fortes que atraem surfistas e adeptos dos esportes náuticos, porém em épocas de ressaca o mar possui ondas fortes e a Praia Grande se torna cenário para campeonato de surf.

Já no canto esquerdo, possui água calma, ideal para crianças. Na orla possui quiosques, restaurantes, bares e badalação.


Praia dos Anjos 

kxlarge.jpgkxlarge.jpg


Antiga Praia da Rama, há um marco histórico, onde o navegador Américo Vespúcio desembarcou em 1503. Sendo que anos depois, o nome foi alterado para Praia dos Anjos. Dessa praia saem as embarcações de passeios de barco que levam até as belíssimas praias de Arraial do Cabo. Isso é nítido pela quantidade de embarcações ao lado esquerdo, com escunas e barcos de pescadores. Porém ao lado direito você já pode aproveitar a praia para dar um mergulho em suas águas tranquilas e normalmente limpas (às vezes há óleo devido aos barcos). É ideal para idosos e crianças, já que suas águas são claras e de temperaturas quentes, além de calmas. Atrai atenção pelo constante vai e vem dos navios, traineiras e barcos de passeio. Na orla da Praia dos Anjos, chamada de Orla Changri-lá, há diversos comércios, alguns quiosques, restaurantes, bares, sorveteria, que atendem os turistas. Fica a um quilômetro do Centro.  

Também, é onde está localizado o Porto do Forno, que fica na extremidade esquerda (norte) da Praia dos Anjos, após a Marina dos Pescadores, junto ao Morro da Fortaleza. Portando, o Porto do Forno tornou-se uma atraente base de apoio off-shore pelas excelentes condições para atração de navios e por sua geográfica estratégica.


Prainha

kxlarge.jpgkxlarge.jpg


Cartão postal da cidade, fica localizada logo na entrada da cidade a esquerda, uma das mais frequentadas e centrais da região. Enseada de mar tranquilo, raso e com uma cor que impressiona, vista de cima é um dos mais belos postais da cidade. Situada entre os morros do Mirante e do Forno, tem águas cristalinas, geralmente mornas e tom de verde-claro, com aproximadamente 1000m de extensão, com vegetação e suas extremidades. A direita através de uma trilha, conduz à praia da Graçainha, com apenas 15 metros de extensão, cuja faixa de areia só aparece na maré baixa. Nos arredores fica o Saco do Cherne, ótimo local para pesca de linha, molinete e para a prática do mergulho.


Praia da Graçainha

kxlarge.jpg

Uma pequena praia entre os rochedos, com acesso pelo lado direito da Prainha, é utilizada pelos pescadores da região para recolhimento de redes de pesca. No entanto, quando não ocupada pelos mesmos é indicada para banho para aqueles que se disponham a subir pela encosta e caminhar cerca de 300m da prainha. 

Acesso por trilha ou até mesmo de caiaque, já que, fica bem próximo a beira mar.


As Prainhas do Pontal do Atalaia

kxlarge.jpgkxlarge.jpg

As Prainhas do Pontal do Atalaia é outro lugar incrível em Arraial do Cabo, e também está no roteiro de praticamente todos os passeios de barco, mas se você tiver a oportunidade de conhecê-la chegando por terra, vá! Essa é uma das praias de Arraial do Cabo que merecem ao menos uma tarde inteira. 

Não é muito fácil chegar às Prainhas, mas o esforço vale pela beleza natural das águas cristalinas. São duas enseadas separadas por rochas. 

O acesso até a praia é feito pelo Residencial Pontal do Atalaia e após seguir algumas placas você irá pegar uma estrada de terra até chegar na escadaria que dá acesso a Praia do Pontal do Atalaia. Outra maneira de chegar lá é de escuna, onde se pode fazer o mergulho de superfície.

Não têm muita infraestrutura. Em alta temporada até é possível encontrar alguns ambulantes vendendo bebidas e pequenas porções, mas nada de quiosques e restaurantes na beira da praia. 

Amantes de bike, o Pontal do Atalaia é um lugar ideal. 

Atenção: Para aqueles que irão de carro, o ideal é ir logo pela manhã, bem cedinho! O acesso de carro até a Praia do Pontal do Atalaia é pelo Condomínio Residencial Pontal do Atalaia (área particular). Com isso, foi estipulado a entrada de somente 250 carros por dia, pois não possui acostamento, nem tão pouco, estacionamento suficiente para uma quantidade de carros elevados. Possui taxa de estacionamento.


Gruta do Amor (As Prainhas do Pontal do Atalaia)

kxlarge.jpg

Você conhece a Gruta do Amor, em Arraial do Cabo? Localizada na Praia As Prainhas do Pontal do Atalaia, no lado direito, na maré baixa, você pode entrar tranquilamente nessa gruta espetacular. 


"Reza a lenda que quando entram dois, saem três."


Praia da Ilha do Farol

kxlarge.jpgkxlarge.jpg

Localizada entre as enseadas dos Anjos e do Forno, com aproximadamente 1000m de extensão, com pequenas dunas recobertas de vegetação típica da restinga, areias brancas e finas, águas calmas apresentam diversas tonalidades de azul, água cristalina, a Praia do Farol é considerada uma das mais bonitas praias do Brasil, inclusive sendo eleita por publicações como a praia perfeita do litoral brasileiro.

Pertencente a cidade de Arraial do Cabo, fica localizada na Ilha de Cabo Frio, conhecida também como Ilha do Farol. Possui uma trilha de acesso às ruínas do farol, além da Gruta Azul, no lado oeste. Avista-se a rocha de Nossa Senhora, o Morro do Pontal do Atalaia, a Ilha dos Porcos e a Prainha.

Por ser uma área de reserva ambiental, a praia é controlada pela Marinha do Brasil (Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira) e apenas embarcações autorizadas podem atracar nas areias da Praia do Farol. O controle é rigoroso e é proibido desembarcar com qualquer tipo de saco plástico ou embalagens de alimentos.

O passeio de barco até a praia é curto (cerca de 30 minutos na praia) mas é incrível! Sem dúvidas a praia mais bonita de Arraial do Cabo e um lugar que vale a pena conhecer!


Praia Brava 

kxlarge.jpgkxlarge.jpg

Localizada entre a Ponta do Veado e a Ponta do Boqueirão, tendo a sua frente a Ilha do Francês. 

Preferida dos surfistas, tem ondas fortes e não é indicada para banho, sendo considerada a praia mais perigosa. O acesso é pelo Morro do Pontal do Atalaia e numa determinada parte, se faz por uma trilha onde é possível descer até a praia, numa escadaria de pedra (cerca de 300 degraus), que não chega diretamente na praia. A descida é vertiginosa, íngreme e durante toda a descida você tem a sua frente o mar espetacular. Além de ser o caminho para a praia, a escadaria também funciona como um mirante incrível! A Praia Brava é considerada somente para a prática de Surf. Praia não recomendada para crianças e pessoas com dificuldade de locomoção. O final da escadaria encontra um trecho de pedras razoavelmente tranquilas de explorar, mas todo cuidado é pouco e alguns trechos são molhados e escorregadios. O ideal é ir somente na maré baixa, pois a faixa de areia é bem curta (cerca de 200 metros). A areia é plana e branquinha. A praia também possui uma pequena caverna O visual da trilha é impressionante, porém a chegada na Praia Brava é ainda melhor.


Praia do Pontal

kxlarge.jpgkxlarge.jpg

Localizada entre o Morro de Mirante e a Praia do Foguete. A Praia do Pontal fica a 4 km do centro e possui 700 metros de extensão de areia com belíssima vegetação de restinga e algumas pequenas dunas e limita-se à direita com o calçamento de aproximadamente 100m. Dela vista-se Praia do Forte em Cabo Frio e, também, a Ilha do Pontal, que pode ser visitada até mesmo de caiaque. Tranquila na baixa temporada, é um excelente local para relaxar e nadar juntos aos peixes e com sorte poderá ver até tartarugas. Com o mar calmo na maior parte do tempo, excelente para levar crianças e sendo bom também para mergulho e pesca de arrastão, porém há épocas que o mar fica agitado e atrai muitos surfistas que já conhecem essas reviravoltas do mar na praia do Pontal. A água é cristalina e algumas pessoas a consideram gelada.



PASSEAR DE BARCO:

 

Um dos programas mais procurados entre os turistas que visitam Arraial do Cabo é o passeio de barco. Ele é especialmente interessante por ser o único meio de visitar a Praia do Farol, uma das mais belas da região. O passeio tem duração de três a quatro horas e tem como roteiro base, além da Praia do Farol, as Prainhas do Pontal do Atalaia, a Gruta Azul e a Praia do Forno. Os barcos partem da Praia dos Anjos e o passeio tem custo médio de R$ 60 reais + R$ 5,00 (taxa de embarcação)

Alguns roteiros do passeio de barco:


Gruta Azul

kxlarge.jpgkxlarge.jpg

A Gruta Azul faz parte do passeio de barco que leva à Praia do Farol. A formação rochosa é apenas uma das muitas belezas naturais no percurso que passa pela Ilha de Cabo Frio. Todo o trajeto em mar aberto é belíssimo, com tons de água impressionantes. A Gruta Azul é apenas um dos lindos momentos, que contam ainda com as ondas que quebram ferozmente contra as rochas. 

Apesar do nome, a gruta só pode realmente ser vista em tons de azul em períodos muito específicos do ano, quando no nascer do sol a luz invade a gruta e o reflexo da água transforma as cores do paredão de pedra. Quem faz o passeio de barco nunca vê, de fato, o fenômeno. 

Ao realizar o trajeto até a Gruta Azul, mantenha sempre os olhos abertos. Não é raro os turistas avistarem golfinhos. Com muita sorte, há a possibilidade até de ver algumas orcas.  

Não é possível a embarcação entrar na Gruta Azul com a maré alta, somente mergulhando (alguns barcos alugam máscaras de mergulho). 


Pedra do Meteoro

kxlarge.jpg

Bem próximo à gruta existe um furo nas pedras, devido a um meteoro que havia caído no local.


Fenda de Nossa Senhora dos Remédios

kxlarge.jpg

Localiza-se numa ponta da Ilha de Cabo Frio (apesar deste nome, esta fica em Arraial do Cabo). É uma fenda rochosa, dando a impressão de ter sido retirada uma fatia da ilha, como se cortasse um bolo. 

A origem de seu nome vem da história de um pescador que em 1721 encontrou ali uma estátua de Nossa Senhora Aparecida. 

Esta abertura possui aproximadamente 5 metros de largura e 40 metros de altura. A abertura chega quase ao nível do mar, mas antes disto existe uma parte rochosa, local exato onde abriga a estátua da Santa.

Segundo a lenda: Os casais que se beijam na frente da fenda vivem felizes para sempre. A quantidade de filhos é conforme os beijos.


Perfil do Gorila

kxlarge.jpgkxlarge.jpg

Próximo a Gruta Azul, fica localizada a Pedra do Gorila. De certo ângulo (de perfil), você enxergará uma pedra que é bem parecida com um gorila. 


GUIAS DE ESPORTE A PRATICAR


MERGULHO


Sugestões: 

Ilha do Farol, Maramutá, Saco do Cherne, Ilha dos Porcos, Praia do Forno e Gruta Azul. Arraial do Cabo dispõe de 1.200 pontos de mergulho. 


Informações Sobre Mergulho:


Considerada a Capital do Mergulho, Arraial do Cabo abriga uma diversificada vida marinha – são tartarugas, meros, lulas, lagostas, arraias e até golfinhos que vivem em harmonia nas ilhas do Farol e dos Porcos, nos sacos do Cherne e do Cordeiro, na praia do Forno, na Ponta d’Água e na Gruta Azul. Considerados um dos melhores pontos do país para praticar o esporte além das águas transparentes. 

Fendas e grutas submersas, naufrágios e azul profundo. A 158km do Rio de Janeiro, Arraial do Cabo, na Região dos Lagos, é considerada um verdadeiro santuário para quem gosta de mergulho. A região oferece boas condições para todo tipo de mergulhador e certificação. "A diversidade de peixes, a água clara e a possibilidade de prática das diversas modalidades.

Não é à toa que a cidade recebe mais de 12 mil mergulhadores por ano, atraídos pela fauna abundante e pelas condições criadas pelo peculiar fenômeno da ressurgência, que muitas vezes permite visibilidade mesmo a profundidade de 30m. "Isso acontece quando as águas profundas, que vêm do pólo sul, afloram na região de Arraial do Cabo. Por isso a água é muitas vezes fria", dependendo da época do ano. O resultado é único: essas correntes, podem ser ricas em nutrientes e propiciar a fixação de novas espécies, que chegam à região presas aos cascos das embarcações que viajam pelos mais distantes oceanos.

Arraial é sempre convidativa. Quem já esteve quer voltar e quem nunca visitou não sabe o que está perdendo!!!


Mergulho com ou sem Snorkel  

kxlarge.jpg


Mergulho com cilindro

kxlarge.jpg


Surf

kxlarge.jpg

Sugestões: A Praia Grande, a Praia Brava e a Praia do Pontal são as mais indicadas.

A Praia Grande, normalmente tem ondas fortes que atraem surfistas e adeptos dos esportes náuticos, porém em épocas de ressaca o mar possui ondas fortes e a Praia Grande se torna cenário para campeonato de surf.


Stand Up Paddle

kxlarge.jpg

Sugestões: Praia Grande e Praia do Forno são as mais indicadas.

Imagine flutuar sobre as águas. A brisa leve tocando seu rosto, a água do mar respingando sobre a pele e você indo de encontro às areias brancas de uma praia paradisíaca, apoiado apenas por uma prancha super larga e um remo. Parece difícil de imaginar, não é? Não mais. A cidade de Arraial do Cabo, além de ser considerada pelos praticantes do surf e do kitesurf como o cenário ideal para o turismo de aventura, ganhou adeptos também de um esporte antigo, ágil e libertador, o Stand Up Paddle.

Para começar, no entanto, não é fácil. Assim como outros esportes radicais, o SUP exige a presença de um profissional gabaritado para ajudar ao futuro desportista a dar os primeiros passos. Arraial do Cabo possui escolas e profissionais capacitados que ensinam os princípios básicos desta modalidade esportiva. Venha conhecer a exuberância das praias da cidade e confira a sensação de caminhar sobre as águas.


Pesca

kxlarge.jpg

Arraial do Cabo pertence a Reserva Extrativista Marinha, que é uma área protegida do Brasil, classificada como unidade de conservação federal e caracterizada como reserva extrativista (Resex).

Uma das mais concorridas é a pesca de cerco, usando redes a partir de pequenos barcos de pesca, as traineiras.

Uma outra modalidade é a pesca de arrastão, feita com rede, bem próximo da costa. É de costume da cidade, pessoas que estavam aparentemente à toa na praia, se oferecem para ajudar a puxar a rede, enorme e muito pesada. E começa assim, um lindo trabalho em mutirão. Depois o peixe é distribuído para todos que ajudaram. 

Outra modalidade é pesca artesanal de lula, usando luzes para “chamar” a lula. Normalmente inicia-se a pesca no fim de tarde e vai até a madrugada, usando pequenas canoas ou até mesmo a pescaria em pedras. A pedra da “Ponta da Cabeça” na Praia Grande, é um local de fácil acesso.


Kite Surf

kxlarge.jpg

Sugestões: Distrito de Figueira e Monte Alto, na parte da Lagoa de Araruama, onde o vento é propício, e é tudo de bom e, também, na Praia do Pontal.


Passeio de Caiaque 

kxlarge.jpg

Sugestões: Praia do Forno e na Prainha são as mais indicadas. Lá  possui tendas de aluguel.


Passeio com Quadriciclo 

kxlarge.jpg

Essa atividade existe há pouco tempo e única empresa que oferece esse serviço é a Adventur Eco Tur. Eles têm 3 roteiros, com 3 horários diferentes, cada um. Com equipamentos automáticos para 02 pessoas. A adrenalina fica por conta das paisagens, com locais de rara beleza. É de tirar o fôlego!

Obs: Somente pessoas com habilitação podem pilotar o quadriciclo.


PONTOS TURÍSCOS A VISITAR!


Pôr do Sol no Pontal do Atalaia

kxlarge.jpg

O pôr-do-sol mais bonito de Arraial pode ser avistado do mirante do Pontal do Atalaia (que tem a vista para a da Ilha dos Franceses) e da Praia Grande. Um dos poucos lugares do Brasil onde o Sol põe-se no mar. No final do dia, dezenas de pessoas sobem o morro do Pontal para assistir ao espetáculo mágico do pôr-do-sol. É de lá que esse momento mágico torna-se mais exuberante e agrada aos visitantes mais exigentes.

kxlarge.jpg

As pedras ficam a 180 metros de altitude, descortinando uma vista panorâmica incrível. A Ilha dos Franceses é logo avistada, pois fica na 1ª descida, no começo da estrada do Pontal.


Pôr do Sol no Mirante Boa Vista

kxlarge.jpg

Local com linda vista para o mar da Praia Grande e permite curtir um lindo pôr do sol. Local de fácil acesso de estacionar. O Mirante foi reformado recentemente ,ele fica na Rua que vai da Prainha para Praia Grande ,em frente ao Serviço de tratamento de esgoto ,há uma estrutura de concreto que passa de um lado da rua para o outro e um posto de combustível Shel ,bem próximo a subida ,que é pavimentada ,deve ser uns 150 m ,que podem ser percorridos de carro ou a pé .La em cima há uma escada de madeira bem conservada ,bancos de madeira ,um campo de futebol e uma pequena pista de skate ,mas a vista que é o principal , de lá dá para avistar ,a praia grande ,a restinga de Massambaba , e com um dia sem nuvens ou com um pequeno binóculo o pórtico da cidade ,sem contar o por do sol que lá de cima fica mais bonito ainda ,local pouco conhecido até por moradores da cidade ,mas com estas dicas de localização ,com certeza você irá encontrar.


Mirante da Praia Grande – Orla Flávia Alessandra

kxlarge.jpg

Os turistas não economizam cliques ao lado da estátua de Flávia Alessandra. 

Está localizada no Mirante da Praia Grande, na Orla da Praia Grande. 

O lugar é muito bonito para tirar fotos e desfrutar do lindo pôr-do-sol. Local de fácil acesso. 


Mirante da Prainha

kxlarge.jpg

Fica localizado ao lado esquerdo da Prainha.

Temos muitas opções de trilhas em Arraial do Cabo que por sua própria natureza, composta por morros, praias, vegetação e fauna nativa, costões rochosos, restinga, dunas, e história criam combinações de trilhas perfeitas para amantes da natureza, todas levando a mirantes com vista incrível de onde é possível ver praias, tirar fotos e fazer vídeos. Temos trilhas leves, médias e mais puxadas. 


Mirante do Boqueirão (Ponta do Cabo)

kxlarge.jpg

Do mirante do Boqueirão, tem-se a vista da Ilha do Farol (Ilha de Cabo Frio), de sua praia (tida como a mais perfeita do Brasil) e do próprio boqueirão.

O acesso dá-se pela continuação da rua de onde se tem a descida das Prainhas, ou seja, segue-se até o final da estrada, depois sobe-se a pé o morrinho existente. O local é perigoso e todo cuidado por onde se pisa é pouco, mas o visual é de tirar o fôlego.


Trilha - Ruínas da Bataria 

kxlarge.jpg

Vista panorâmica da cidade. Fundações da Bataria da Praia dos Anjos no cume do Morro da Fortaleza e vista panorâmica da cidade. 

A trilha começa na Prainha e dura em torno de 2 horas, para na Pedra do Urubú que dá visão superior a Praia do Forno e parcial da Ilha do Farol e enseada da Praia dos Anjos. Depois desce na Praia do Forno, de lá tem a opção de ficar na praia ou pegar nova trilha para sair da praia. Ela é considerada de esforço médio e leva a mirantes com uma vista incrível da Praia do Forno, já que sobe o Morro da Fortaleza. A trilha tem uns 500m.


Trilha - Farol Velho e Farol Novo

kxlarge.jpgkxlarge.jpg

O Farol Velho foi inaugurado em 1833, suas ruínas estão localizadas no topo da ilha do Farol (Ilha de Cabo Frio). Construído a mando de D. Pedro II foi desativado em 1866 pois era constante aquele ponto da ilha ficar coberto por densa neblina. (ao lado Farol Novo). Para visitá-los, é necessário obter autorização da Marinha para realizar a trilha que leva até o farol e alugar uma embarcação que leve os visitantes até a ilha. A agenda é divulgada no site do IEAPM. O agendamento pode ser feito por e-mail: ilha@ieapm.mar.mil.br


Trilha - Ruínas do telégrafo

kxlarge.jpg

Num dos pontos mais altos do Pontal do Atalaia construído em 1814. Do excelente mirante natural onde se encontram tem-se uma vista deslumbrante sobre a Ilha de Cabo Frio e a Praia Grande. A trilha das ruínas do telégrafo tem duração de 2 horas, é de nível puxado, com subida quase o tempo todo, começa na subida do Pontal do Atalaia, passa pelo mirante da Praia Brava e segue até a trilha de mata estreita que leva até as Ruínas do antigo telégrafo.


Trilha – Do Vigia (Praia Grande) 

kxlarge.jpg

A trilha do Vigia começa na Orla da Praia Grande e vai até o topo do Morro do Vigia. Trilha leva em torno de 40 minutos, está em um nível de dificuldade menor, apesar de ter subida e descida. No topo do Morro do Vigia é possível visualizar quase toda Praia Grande, restinga e Lagoa de Araruama, lá é onde o Vigia dos cardumes de peixe fazia sinais para os pescadores de canoa, também nessa área foram retirados sambaquis. Depois de aproveitar o visual e o histórico, seguimos até visualizar a Ilha do Francês, seguimos outra trilha tendo o visual da Praia Grande e da calha da antiga Álcalis, voltando para Orla da Praia Grande.


Igreja Nossa Senhora dos Remédios

kxlarge.jpg

Primeira Missa em lugar fechado no Brasil. Desde 1503 guiados por Américo Vespúcio, construída em arquitetura rústica, a igreja é um monumento histórico brasileiro por ser uma das primeiras edificações do país e um símbolo do início da colonização dos portugueses no Brasil, que chegaram na Praia dos Anjos antiga Praia da Rama), vindos da Bahia numa expedição de reconhecimento do litoral brasileiro. Construída em 1506 pelos portugueses, em pau a pique, a igreja está entre as primeiras edificações do país. Singela, fica em uma elevação debruçada sobre a praia dos Anjos.

Escolhida por muitos casais em suas celebrações de casamento a beira mar.


Marco Histórico e Poço D’água

kxlarge.jpg  

O Obelisco Américo Vespúcio na Praia dos Anjos marca o local onde aportou em 1503 a primeira armada portuguesa. 

Próximo ao monumento vê-se ainda o Poço D’água, construção do século XIX que abasteceu o município durante muitos anos, quando este era ainda uma pequena vila de pescadores.


Casa Piedra


Construída pelos portugueses em 1506, tida como uma das primeiras edificações do Brasil, fica local ao lado do Marco Histórico e, acredita-se ser o local da primeira feitoria do Brasil. 

Hoje é propriedade particular.


Museu Oceanográfico Almirante Paulo Moreira

kxlarge.jpg

Possui esqueletos de animais marinhos, peças de naufrágios que ocorreram na região e aquários com animais vivos.


Casa da Poesia 

kxlarge.jpg

A velha casa do poeta Victorino Carriço, localizada à sombra da igreja Nossa Senhora dos Remédios, no centro histórico de Arraial do Cabo.

A casa conta com cerca de 1.400 livros sobre arte e fotografia e vários outros temas. Desde a sua fundação em 2007, o espaço desenvolveu trabalhos de divulgação e resgate cultural, assistência a grupos de estudo, oficinas e encontros didáticos, projeção de filmes, teatro popular, danças e saraus. Arraial do Cabo, rica de história e tradições, mas onde existem poucos espaços públicos culturais, ganhou um café literário. “Café literário” – na acepção do termo, pretende ser um “lugar de encontro, de expressão e debate relacionado com a literatura”.


Os Casarios


O ambiente que circunda o Largo Histórico é composto por alguns exemplos de casario do final do Século XIX e início do Século XX. Descendo a rua D. Pedro II e até antes de chegar a rodoviária, pode-se notar mais algumas construções, que inclusive já foram tombadas pelo patrimônio histórico do País.


Centro Cultural Manoel Camargo


Para quem aprecia um programa mais intelectual e artístico, Arraial tem o lugar certo: trata-se do Centro Cultural Manoel Camargo, que já projetou seu nome em toda a Região dos Lagos, dando exemplo a outros municípios pela permanente produção de eventos artísticos e preservação da cultura popular cabista.

Começando pela pintura, o CCMC tem periodicamente exposições de artista de Arraial e de outras cidades, numa abertura para aqueles que ainda não têm o nome conhecido, mas têm muito talento para mostrar.

Na Sala de Exposições Amena Mayall fica o acervo definitivo do CCMC. Além das pinturas, o acervo tem artefatos da pesca de arrastão (antigamente uma atividade artesanal tradicional da cidade) e miniaturas - réplicas de grandes embarcações antigas. Essas miniaturas são o legado de Manoel Camargo, artista de grande habilidade e detalhista ao extremo.